domingo, 2 de dezembro de 2007

Lua de mel


De que vale um papel que atesta o casamento entre duas pessoas quando a maioria dos casais jovens se separa ao fim de 2 ou 3 anos?

E os problemas que daí advêm como a disputa/partilha de bens ou a tutela/sustento dos filhos, por exemplo?

Mais vale a união de facto em que o casal partilha a mesma casa sem stresses e "assina" nos corações de cada um. Não é?
Enviar um comentário