domingo, 1 de dezembro de 2013

11.ª Jornada da 1.ª Liga: Rio Ave 1-3 Benfica

in abola.pt
No regresso ao campeonato, depois da vitória na Liga dos Campeões, o Sport Lisboa e Benfica deslocou-se a Vila do Conde, onde bateu o Rio Ave por 1-3, com golos de Rodrigo e Lima.


De regresso também estiveram as exibições cinzentas a seguir às competições europeias a que as "águias" já habituaram os seus adeptos. Com efeito, a melhor oportunidade de golo para o Benfica acaba por aparecer apenas aos 38', dando no primeiro golo da partida.

Rodrigo inicia o ataque, dando para Lima que, na linha de funda, cruz para para Rodrigo. O guardião Ederson tenta defender, mas acaba por apenas conseguir tocar de raspão com os dedos, sobrando o esférico para Rodrigo que teve tempo para dominar e rematar com o pé esquerdo para a baliza deserta (0-1). Uma fífia que permitiu a vantagem à equipa mais dominante, em termos de posse de bola.

Na segunda parte voltou a assistir-se a um jogo demasiado "mastigado" ao meio campo, com Lima a dispôr de uma boa oportunidade, mas a rematar muito torto e fraco.

[Por esta altura eu comentava: Este ano o Lima não dá uma para a caixa!]

Logo a seguir, nem de propósito, a eficácia surgiu do lado vila-condense: Ukra, aos 57’, aproveitou da melhor forma uma bola "perdida" para desfeitear Artur Moraes, empatando a partida (1-1).

No entanto, a sorte estava com os "encarnados", pois o empate durou apenas cinco minutos. Na marcação de um livre directo, descaído para a esquerda, Lima (62’) desfez a igualdade com um remate indefensável (1-2).

A vencer, o Benfica foi à procura do golo da tranquilidade, dispondo de mais oportunidades e justificando a vantagem. Aos 73', Gaitán viu o seu remate ser "defendido" por Enzo Pérez, que se encontrava no local e hora erradas, dentro da grande-área do Rio Ave. Depois (76'), foi a vez de Lima tentar de novo o golo, com um remate em arco que sai ligeiramente ao lado do poste esquerdo da baliza de Ederson.

Por fim, Lima acabou por bisar na partida, com um remate de primeira, a passe de Rodrigo, que retribuiu assim a assistência para o primeiro golo do Benfica (1-3).

O resultado não mais se alterou até ao final, o que, beneficiando da derrota do FC Porto em Coimbra, frente à Académica, deixa os "encarnados" no topo da tabela classificativa, partilhada com o rival Sporting.
Enviar um comentário