domingo, 2 de março de 2014

21.ª Jornada da Liga: Belenenses 0-1 Benfica

in abola.pt
No regresso ao campeonato nacional, o Sport Lisboa e Benfica deslocou-se ao estádio d'Os Belenenses para cumprir o jogo da 21.ª jornada, de onde saiu vitorioso com um golo solitário de Gaitán.

Com a chuva quase sempre presente, num inverno como já não há memória, o encontro entre o Belenenses e o Benfica foi disputado num relvado bastante pesado, embora este seja um dos campos da catipal com melhor drenagem. Antes do início da partida, cumpriu-se mais um minuto de silêncio em memória do Monstro Sagrado Mário Coluna, falecido no passado dia 25 de Fevereiro, aos 78 anos.

Depois da noite europeia no Estádio da Luz, em que as águias rodaram o plantel, Jorge Jesus voltou ao onze de sucesso das últimas partidas, num claro sinal de intenções - vencer: Oblak; Maxi Pereira, Garay, Luisão e Siqueira; Fejsa (Ruben Amorim, 81’), Enzo Perez, Gaitán (Cardozo, 86’) e Markovic; Lima e Rodrigo (Salvio, 66’).

Aos 8', já depois de um primeiro lance protagoniazdo pelo aniversariante Markovic (20 anos), Nico Gaitán, partiu do meio campo, passaou a bola por um lado indo buscá-la pelo outro e, perante o adiantamento do guarda-redes do Belenen, tirou um chapéu perfeito, inaugurando o marcador. Estava feito o 0-1, com mais uma "obra de arte" assinada pelo argentino, depois do magistral golo que marcou na Quinta-feira passada frente ao PAOK.

Os encarnados poderiam ter aumentado a contagem, por intermédio de Lima (17’), mas o remate em arco do brasileiro saiu a razar o poste da baliza de Matt Jones. Pouco depois (23'), nova oportunidade, desdta feita por Maxi Pereira, depois de uma combinação perfeita com Enzo Perez. Valeu a intervenção do defesa Filipe Ferreira a "tirar o pão da boca" ao defesa direito "encarnado".

O segundo tempo reservava uma agradável surpresa em termos de jogo jogado. Marco Paulo lançou Freddy e cedo mostrou que iria disputar o resultado. Por seu turno, o Benfica denunciou algum excesso de confiança, praticamente limitando-se a gerir a posse de bola. Com efeito, a formação da casa foi chegando com perigo à baliza de Oblak.

Não obstante as oportunidades criadas pelas "águias" para dilatar a vantagem, acabaria por ser o Belenenses a chegar ao golo à passagem do minuto 70. No entando, o árbitro assistente assinalou fora-de-jogo ao avançado do Belenenses. Erro grave com influência directa no resultado. No momento do passe, está um jogador em fora-de-jogo posicional, mas o autor do golo estava em posição regular. Esteve mal o fiscal de linha, que induziu o juiz Jorge Ferreira em erro.

Seja como for, com esta vitória o Sport Lisboa e Benfica mantém-se na frente com cinco pontos de vantagem sobre o Sporting e, agora, com nove pontos sobre o FC Porto, que empatou esta noite frente ao Vitória de Guimarães.
Enviar um comentário