segunda-feira, 7 de maio de 2012

Diz que é uma espécie de Plágio

Quando há poucos anos os "Gato Fedorento" apareceram com o seu programa de humor "Diz que é uma espécie de magazine" e se descobriu que afinal era uma versão do tema Petite Mèche de Cheveux, de Claude François, não se falou noutra coisa: plágio.*


O plágio é o acto de apropriação indevida da obra intelectual de outra pessoa, assumindo a autoria da mesma.

Diz que é uma espécie de magazine

Claude François - Petite Mèche de Cheveux

No caso dos "Gato Fedorento", é sabido que muitos dos sketchs que este grupo humorista apresentou foi inspirado em versões de humoristas estrangeiros. Aliás, algo muito comum nos concursos a que assistimos diariamente: "O Preço Certo", "Roda da Sorte", "Ídolos", "Chuva de Estrelas" e muitos outros são exemplo disso.

Em humor assistimos frequentemente a cópias de coisas originais e isso não é muito relevante. Agora, quando se têm creativos que são pagos para inovar e criar anúncios publicitários originais, mas que plagiam outros anúncios, aí o caso muda de figura. Parecem seguir a tendência de grande parte de músicos que vão buscar êxitos antigos e os transformam e adaptam ao estilo de música que praticam, beneficiando de um sucesso indevido.

Por que razão não oiço ninguém a comentar sobre a série de cópias de anúncios famosos operada pelo Sapo Fibra? Coca-cola, Martini, William Lawson são os exemplos mais marcantes:

Hora Coca-cola Light (Original)

Versus Sapo Fibra Light



William Lawson (Original)  Versus  Sapo fibra

Martini Man (Original)

Versus Sapo Fibra

Enviar um comentário